TAG: Todo mundo odeia mas eu não (inverti a tag!)

tag_todomundoodeia

 

Para descontrair um pouco resolvi (re)fazer uma TAG que fiz há um tempinho porém invertida. Um amigo meu que sugeriu e achei interessante mostrar um pouco as coisas de outro ponto de vista. Outro ponto de vista do contra, mas é outro ponto de vista, certo?

Essa TAG por si só já tem toda a tendência ser do contra mesmo, mas gosto de pensar sobre isso porque é uma forma de autoconhecimento.E também pra mostrar que temos muitas coisas em comuns com amigos e familiares, mas não precisamos gostar de tudo igual não é mesmo? Vamos à TAG então?!

Acordar cedo

acordarcedo

Essa acho que é a que mais “irrita” todo mundo. As pessoas ficam revoltadas quando eu digo que eu amo acordar cedo, mas lamento repetir, eu amo acordar cedo! Gosto do dia ainda cinza amanhecendo, de fazer muitas coisas em casa antes de ir trabalhar. Tenho a sensação de que vivo pra mim primeiro, para depois ir trabalhar, dá pra entender? Até mesmo no sábado quando quero dormir um pouco mais, o máximo que chego é 7:30! E me acostumei tanto com isso, que se dormir até tarde (ou à tarde) acordo com o corpo dolorido e fico com preguiça o dia inteiro. Que coisa né?

 

Andar a pé

andar a pé

Esta é uma coisa que faço muitooooo mesmo. Ando muito e muito e muito. Quer me companhia? Me chama pra andar! kkkkkk Acho que peguei esse hábito com minha mãe, porque ela sempre andou muito também. Preguiça é uma coisa que não faz parte do vocabulário dela, e essa parte de andar, veio no meu sangue. Adoramos “bater perna” como dizem por ai. Acho que isso fortaleceu ainda mais quando voltei pra GV no ano passado, vindo de um lugar que tudo é longe, e tem que ser de ônibus ou carro. Andar é libertação, não dependo de ninguém e ainda posso ver várias coisas bacanas pelo caminho. Inspirador, não?!

Ler & Escrever

leitura

Todo mundo fala que não gosta de ler ou que não consegue porque dá sono. Eu sou suspeita de falar desse assunto né? Pelo tanto de post de livros já dá para terem noção. Ler é uma paixão que eu não deixo de alimentar. Tem épocas que leio menos, em função de alguns compromissos, mas tento ao máximo não ficar sem ler nada. Sempre carregado na bolsa e em qualquer lugar que paro, aproveito pra ler.

 

Já a parte do escrever, essa é uma coisa nova que descobri há pouco tempo, basicamente com o blog né?! Já tinha vontade de ter um blog e escrever um livro mas sempre ia adiando. Até que resolvi tirar a ideia do papel e fazer acontecer. Com o tempo vi o tanto que gosto de escrever. É incrível, parece que os meus dedos tem vida própria (exagerada!) e quando vejo, escrevi tanto que tenho até que apagar. Estou amando. E fico ainda mais animada quando as pessoas que leem o blog comentam comigo que gostam do meu jeito de escrever. Muito bom isso! Thanks 😉

Inhame e moranga

inhame

Resolvi falar também pouco de comida na tag de hoje, só pra diversificar um pouco. E por isso mesmo escolhi duas coisas bem “estranhas” de se falar que ama: inhame e moranga. Gente, vocês não tem noção, de tanto que eu gosto de inhame! Como se fosse batata, dá pra entender a paixão? Já a moranga faz pouco tempo que comecei a gostar (acho que foi na volta pra gv). Quando minha mãe faz tenho que me segurar pra não comer muito. Mas confesso que teve um dia que comi demais que nem consegui trabalhar a tarde direito… ai é tenso né? kkkk

 

Funk e Pagode

funkpagode  E por último…. a parte mais polêmica do post. Eu sei, todo mundo fala que não acredita ou que não combina comigo, mas infelizmente eu AMO funk (e pagode também!) e não posso fazer nada contra isso kkkkkk. O máximo que eu faço é ouvir só no fone pra não atrapalhar ninguém. É lógico que eu também acho as letras ridículas, que não tem como gostar dessa parte, mas adoro as batidas. Escuto e ignoro o resto. É algo que escuto quando preciso de inspiração. É “paia”, eu sei, mas é a minha verdade… E podem ter certeza, que esse post foi todo escrito escutando funk (assim como a maior parte dos posts!!!).

 

::::

 

E então pessoal? Ficaram chocados com alguns detalhes? Espero que não!

Que tal fazer o de vocês agora?! Podem comentar por aqui ou no face ok?

Um abraço, Anap.

Ana Paula Cândido

Prazer, meu nome é Ana Paula! Obrigada pela visita em meu blog :) Dúvidas, críticas ou sugestões? Fique à vontade para comentar. Ficarei feliz com sua contribuição!